É possível viver uma reforma feliz?

0
48

Quando devemos começar a pensar na reforma?

Para vivermos uma reforma feliz temos de começar a pensar e a preparar desde já. Não que tenhamos de nos ocupar muito tempo ou perder o sono. Para uns será dentro de muitos anos. Para outros mais brevemente. No entanto, a vantagem do planeamento de longo prazo é que temos tempo para planear, implementar e ajustar. Mas temos de começar o quanto antes para garantir que os esforços são mais reduzidos.

Tome consciência do inevitável

O livro “Viva Uma Reforma Feliz” começa com o objetivo claro de alertar para algo que é inevitável e para o qual não vale a pena enterrar a cabeça na areia. Não vamos ter reformas como no passado, simplesmente porque não é possível financeiramente. Por muito que nos digam, teremos de começar já hoje a ganhar a consciência de que não é possível brincar com a matemática da demografia. A demografia tem impacto no nosso bolso e teremos de nos ajustar. Simples?

Pensar em que?

Neste livro falamos-lhe de diversas coisas. Por norma, quando se fala em preparar a reforma fala-se apenas da questão financeira. Ou seja, como conseguir garantir uma reforma com conforto financeiro. No entanto, existem muitos outros fatores que teremos de considerar como sendo o conforto emocional, os desafios intelectuais ou a ocupação dos tempos livres. Verá no livro um role de fatores a considerar para preparação.

Como poupar para a reforma?

Naturalmente que não poderíamos deixar de referir a importância de preparar financeiramente este momento tão importante das nossas vidas. É preciso garantir pelo menos 30%-40% do nosso último vencimento. Pode parecer muito mas se começarmos a poupar o quanto antes será mais fácil. Quanto mais cedo começar a poupar com o objetivo do longo prazo (que implica não mexer no dinheiro) mais fácil será.

Poupar é como correr. Começamos timidamente. Ganhamos experiência e acabamos por não conseguir viver sem ela. Mais uma vez, não é viver em função do dinheiro mas garantir que conseguimos suportar as nossas despesas e realizar os nossos sonhos com o conforto e a segurança de saber que se acontecer algum imprevisto não ficaremos atrapalhados.

Aprenda!

Uma última ideia. O livro que lhe apresentamos é destinado a ajudar a refletir e encontrar estratégias para conseguir atingir os seus objetivos. Isso implica aprender e aperfeiçoar os nossos conhecimentos. Se há assuntos financeiros que são simples, outros não são de apreensão tão imediata. Algum estudo irá permitir adquirir novas estratégias que nos trarão retornos muito interessantes no futuro.

Por onde começar?

Sugerimos que leia alguns artigos sobre poupança. Comecemos com os melhores depósitos a prazo (que não deve fazer). Depois os certificados de aforro (interessantes para quem não quer risco e quer investir no curto prazo) ou as obrigações do tesouro. Depois, poderá explorar muitos outros artigos de investimentos… mas nunca se esqueça que muitas vezes a poupança é o melhor remédio!

João Morais Barbosa

artigo do parceiro:

Compartilhar
Artigo anteriorÉ possível ter orgasmos com sexo anal?
Próximo artigoÉ preciso gastar muito em produtos para ter um cabelo saudável?

Deixe uma resposta