Efeitos colaterais do Omeprazol

    0
    139

    O Omeprazol

    Medicamento indicado para o tratamento de úlceras benignas o Omeprazol é da classe dos inibidores da bomba de protões. Encontrado em cápsulas a dose oral para adultos é geralmente de 20 mg uma vez ao dia sempre antes do café da manhã. O período irá variar de acordo com a finalidade. Caso seja necessário a dose pode ser aumentada lembrando que somente um médico sabe dizer qual medicamento ser tomado e em quais condições portanto nunca realize automedicação pois a prática pode ser perigosa.

    O Omeprazol funciona como uma espécie de protetor gástrico sendo indicado também para pessoas que fazem uso de medicamentos que agridem por demais o estômago. Tomar o Omeprazol todos os dias pela manhã e de estômago vazio é uma alternativa para manter o órgão protegido por todo o dia.

    O medicamento é seguro apesar de assim como todos os outros fármacos ter contraindicações e poder gerar algumas reações adversas tais como dores musculares dor de cabeça vertigem náuseas diarreia flatulência e erupções cutâneas. É preciso ter atenção também às interações medicamentosas de forma a não colocar a saúde em risco.

    O medicamento é contraindicado para mulheres grávidas ou lactantes assim como não deve ser tomado por pessoas com hipersensibilidade à fórmula. Na grande maioria das vezes o Omeprazol é bem aceito e não é um medicamento que possa levar a grandes preocupações. Pessoas com efeitos colaterais do omeprazolpossibilidade de câncer gástrico devem ter muito cuidado quando do uso do medicamento sendo que sempre se deve consultar um médico antes de dar início a qualquer espécie de tratamento.

    Quando é indicado?

    O Omeprazol é um medicamento indicado para pessoas que sofrem de gastrite de esofagite de refluxo de úlceras gástricas ou de úlceras duodenal. É um fármaco bastante eficiente no sentido de proteger o estômago e o duodeno sendo também indicado para pacientes que fazem uso de medicamentos que por demais agridem estes locais.

    O mais indicado é tomar uma cápsula de Omeprazol ao menos 15 minutos antes da refeição para que seja devidamente absorvido e para que possa servir como um protetor. O Omeprazol é especialmente eficiente no tratamento de úlceras duodenais sendo que em média após 2 a 4 semanas de uso frequente do medicamento já se pode verificar cicatrização de quase 100%. O Omeprazol não é indicado em alguns casos assim como é contraindicado para alguns grupos tais como mulheres grávidas ou lactantes.

    Como funciona?

    O Omeprazol pode ser encontrado em cápsulas de 10 mg 20 mg e de 40 mg. A dose geralmente recomendada para adultos é de 20 mg uma vez ao dia sendo necessário no entanto consultar um médico para que a dose mais adequada para cada caso seja estipulada.

    Através da inibição da H+K+AT ou seja da bomba de prótons o Omeprazol é capaz de reduzir a acidez do estômago. Ele atua inibindo a ação da enzima e reduzindo a secreção ácida basal deixando o estômago um pouco menos ácido o que gera menos irritação e incômodo.

    É portanto um medicamento bastante indicado para o tratamento do refluxo esofágico de úlceras benignas duodenais ou gástricas e de esofagite de refluxo. Também pode ser usado no combate ao H Plyori e para redução dos sintomas dispépticos assim como para o tratamento da Síndrome Zollinger-Elison e para profilaxia de possível aspiração ácida quando de anestesia geral.

    Efeitos colaterais do Omeprazol

    O Omeprazol pode provocar uma série de efeitos colaterais assim como outros medicamentos. As reações mais comuns quando do uso de Omeprazol são dor de cabeça dor na barriga prisão de ventre flatulência ânsia de vômito diarreia dor nas costas tontura e tosse.

    Apesar de incomum é preciso destacar outros efeitos colaterais possíveis quando do uso de Omeprazol. São eles: sonolência vertigem insônia urticária mal-estar confusão mental depressão agressividade agitação alucinação febre e aumento da transpiração.

    Cada organismo reage de determinada forma ao uso de medicamentos por isso é imprescindível procurar por um médico diante dos primeiros sintomas e nunca realizar automedicação pois o uso incorreto de fármacos pode piorar uma condição e ainda mascarar outras mais preocupantes.

    Riscos e contraindicações

    O Omeprazol é contraindicado para pessoas com alergia a algum dos componentes da fórmula e para mulheres grávidas ou lactantes. Importante destacar que o medicamento deve ser tomado com cautela por indivíduos portadores de disfunção renal ou de disfunção hepática.

    Pode ser perigoso fazer uso do Omeprazol concomitantemente com outros medicamentos por isso nunca deixe de consultar um médico antes de dar início a um tratamento. Não é indicado também ingerir bebidas alcoólicas durante o tratamento pois o álcool agride o estômago e pode cortar o efeito do Omeprazol.

    Não existem informações a respeito de superdosagem de Omeprazol sendo que em casos de dosagem extrema é recomendado procurar um médico para que um estudo seja feito e os sintomas devidamente tratados.

    LEAVE A REPLY