Enjoo durante o voo

0
58
 O que provoca o enjoo

O enjoo que sentimos durante uma viagem possui um nome em específico. Tal transtorno é também chamado de cinetose ou seja enjoo de movimento. Este provoca um terrível quadro de ânsia e de náuseas que pode ou não vir acompanhado de vômitos.

A cinetose é causada sempre que o indivíduo está em movimento seja dentro de um barco de um carro de um trem ou de um avião. É algo que incomoda e muito além de tornar uma coisa tão prazerosa com viajar em um transtorno.

Os sintomas da cinetose são bastante característicos e fáceis de serem determinados. Inclusive uma série de medidas pode ser tomada com o intuito de prevenir o surgimento do enjoo durante viagens.

Talvez o mais comum destes enjoos seja o que ocorre dentro de um avião. Além do movimentar que já provocaria um enjoo muita gente tem medo de voar. Com isto o organismo começa a reagir levando alguns indivíduos a vomitar e a sofre de náuseas.

Para evitar transtornos durante um voo é legal conversar com um médico antes de sair. É também muito importante que as pessoas que sofrem de cinetose reconheçam tal fato de forma a garantir uma melhor qualidade de vida.

Por que sentimos enjoo durante voos

Temos esta sensação devido à interpretação do cérebro informado de que estamos em movimento. É basicamente através da visão do ouvido interno e da propriocepção que este órgão nota a nossa movimentação. No entanto a visão pode pregar peças assim como o labirinto e a propriocepção.

Quando o cérebro recebe informações desconexas destes três esquemas ocorre a cinetose ou enjoo de movimento. Além disto alguns fatores deixam certas pessoas mais predispostas do que outras a tanto. Mulheres gestantes indivíduos ansiosos ou que sofrem
constantemente de enxaqueca por exemplo estão mais vulneráveis a sentir enjoo durante voos e outras viagens.

Como funciona o enjoo

Conforme mencionamos acima é a informação desconexa dos três sistemas que leva o cérebro a interpretar erroneamente o movimento provocando a cinetose. O enjoo durante voos ocorre pois é muito difícil para o órgão entender exatamente o que está acontecendo. A visão ajuda o cérebro a ver a movimentação. O ouvido interno possui um órgão chamado labirinto que é o responsável por manter o equilíbrio. Já a propriocepção é a capacidade de entendermos a posição do corpo com relação ao espaço a força que está sendo exercida entre outras coisas sem o uso da visão.

Imagine só o cérebro tentando entender o que está se passando quando mesmo estando sentados e sem fazer qualquer esforço ele sente o movimentar. O carro anda muito rápido o avião então mais ainda. Para nosso corpo é meio difícil de definir como estamos nos movimentado em relação aos objetos sem estarmos fazendo esforço.

Aos poucos ele vai se acostumando no entanto caso comecemos a ler durante uma viagem por exemplo a referência muda o que poderia levar a um quadro de enjoo. Para evitar esta situação uma série de medidas pode ser tomada.

Sintomas

É fundamental um diagnóstico para que todas as medidas de prevenção sejam tomadas. Os mais comuns sintomas da cinetose ou enjoo de movimento são mal estar vômitos tonturas sudorese náuseas ânsias e até mesmo arrotos.

Após uma exposição repetida ao que leva à cinetose o quadro tende a melhorar. O corpo vai se adaptando e entendendo o que está acontecendo por isto é importante detectar os sintomas para buscar o devido tratamento. Em viagens de navio por exemplo as complicações e o mal estar costumam diminuir depois de cerca de 2 dias. Durante voos o enjoo é também muito frequente porém depois de algumas horas tudo começa a ficar mais suportável.

Diante de sintomas não hesite em procurar por ajuda. Somente um profissional é capaz de determinar corretamente o que está acontecendo e de prescrever o melhor remédio a ser tomado. Nunca realize auto-medicações pois a prática além de perigosa pode ainda mascarar algo mais preocupante.

Como prevenir

Pessoas que sentem enjoos durante voos viagens de carro ou de navio necessitam estar atentas ao que pode acontecer. Para evitar complicações é legal tomar algumas medidas como precaução além de aprender a lidar com a situação. Segue abaixo algumas dicas para evitar enjoos durante voos:

  • Evite ler na viagem;
  • Sente-se perto da janelinha e fique a observar a paisagem pois ajuda na sensação de movimento;
  • Os assentos mais próximos da asa balançam menos procure escolher estes locais de forma a evitar transtornos;
  • Evite comer durante o voo;
  • Evite passar perfumes muito fortes e fique longe de odores intensos;
  • Evite ficar em lugares quentes demais e busque por locais mais arejados;
  • Evite tomar bebidas alcoólicas durante o voo.

Estas são apenas algumas das medidas que podem ser tomadas. Muitas vezes o enjoo é também provocado por nervosismo devido ao fato de se estar voando. Mantenha a calma respire fundo e peça ajuda para o atendente de voo.

Tratamento

É importante entrar em contato com um profissional antes de tomar qualquer tipo de fármaco. O enjoo de movimento pode ser tratado com medicamentos que atuam no sentido de minimizar os terríveis efeitos no entanto é preciso receber uma autorização médica para tanto.

Além da alternativa medicamentosa muitas pessoas fazem uso do gengibre e de outras opções menos invasivas. É comum por exemplo indivíduos que sofrem de enjoo utilizarem durante voos pulseiras de pressão no punho.

O tratamento para enjoo existe e deve ser realizado. Ninguém necessita viver sofrendo. Viajar de avião é algo muito gostoso e todos tem o direito de usufruir deste prazer. Caso conviva com algum dos sintomas mencionados acima entre em contato com um profissional. Além disto o enjoo pode ser um sinal de algo mais preocupante portanto é necessário avaliar o que realmente vem causando tal distúrbio. Nunca realize auto-medicação pois você pode estar sofrendo de alguma condição e mascarando os seus indícios. Realize exames de rotina e consulte um médico regularmente. Desta forma é possível viver mais e melhor.

Compartilhar
Artigo anteriorDiástase
Próximo artigoCarboxiterapia

Deixe uma resposta