Esqueci de tomar o anticoncepcional: O que fazer?

0
50

O anticoncepcional

A pílula anticoncepcional é um pequeno comprimido utilizado pelas mulheres para evitar uma gravidez. Existem diversos tipos de pílula e cada um possui características em específico sendo que independente do tipo é de extrema importância seguir à risca a utilização para não resultar em algo indesejado.

As pílulas são constituídas de uma combinação de hormônios geralmente estrogênio e progesterona do tipo sintético. Além de inibir a ovulação o uso deste anticoncepcional ainda torna o muco cervical hostil ao espermatozóide.

Dentre os tipos de pílula mais conhecidos podemos citar a monofásica composta por estrogênio e progesterona na mesma dosagem a minipílula que não possui estrogênio em sua composição e a pílula multifásica que possui uma combinação de estrogênio e de progesterona em dosagens variadas dependendo do período do ciclo.

Qual escolher

A pílula monofásica é a mais utilizada em todo o mundo. Já a minipílula é um tipo de anticoncepcional que não possui estrogênio em sua fórmula sendo indicada para mulheres que estão amamentando e que desejam evitar nova gravidez por exemplo.

Existe um tipo de pílula no mercado que contém drosperinona e etinilestradiol em sua composição com isto ela é capaz de fazer tudo o que as outras fazem e ainda de diminuir sintomas físicos e emocionais relacionados ao ciclo menstrual. São muitas variáveis e não é aconselhado começar a tomar o medicamento sem antes consultar um médico. Somente um profissional saberá dizer a melhor opção para cada organismo.

Como tomar

A pílula anticoncepcional é o método contraceptivo mais utilizado em todo o mundo. Antes de dar início a este tratamento no entanto é necessário conversar com um médico de forma a descobrir a mais indicada.

Na grande maioria das vezes é preciso tomar 1 comprimido por dia até completar 21 dias e então parar por 1 semana para ocorrer a menstruação. Entretanto atualmente também está disponível no mercado a opção em que a mulher toma 1 comprimido por dia durante 24 dias e então para 4 dias para ocorrer a menstruação. Além destas existe ainda uma outra opção em que não é necessário fazer pausa alguma.

Caso seja a primeira vez que a mulher vá dar início a uma cartela é preciso tomar o primeiro comprimido no primeiro dia da menstruação. Como as orientações podem mudar de acordo com o tipo de pílula não deixe de conversar com um médico antes de dar início ao tratamento.

Eficácia

A eficácia da pílula está extremamente relacionada ao uso correto da mesma. Ou seja ela deve ser tomada todos os dias em um horário aproximado por exemplo sempre ao acordar ou sempre antes de dormir. Mulheres que tomam este tipo de anticoncepcional estão quase 100% seguras entretanto não há como dizer que é impossível engravidar tomando pílula.

O uso deste método associado a outros medicamentos como antibióticos por exemplo pode levar a uma redução na eficácia. Vomitar logo após tomar a pílula também pode provocar problemas assim como crises de diarreia. Doenças que reduzem a absorção intestinal são também preocupáveis neste sentido. Portanto o melhor a fazer é usar preservativo em todas as relações sexuais além de tomar a pílula. Até porque a pílula não protege de doenças sexualmente transmissíveis e o preservativo pode fazer esta função.

Em casos de esquecimento

A mulher deve fazer de tudo para não se esquecer de tomar a pílula pois a eficácia fica extremamente afetada. Dependendo do período do esquecimento determinadas medidas devem ser tomadas.

Caso a mulher se esqueça de tomar a pílula durante a primeira semana da cartela e manteve relações sexuais na semana anterior deve procurar por um médico. Se não houve relações ela deve tomar a pílula esquecida assim que lembrar e usar algum método de barreira. Já quando o comprimido é esquecido durante a segunda semana da cartela é preciso tomá-lo assim que lembrar. Agora em casos de esquecimento durante a terceira semana da cartela existem duas opções: tomar a pílula assim que lembrar e iniciar uma nova cartela sem o período de interrupção ou parar de tomar as pílulas a partir da que foi esquecida fazer um intervalo de 7 dias e voltar com nova cartela.

De uma forma geral caso ocorra esquecimento e a pílula esquecida seja tomada em até 12 horas não há problemas. Tome a pílula assim que lembrar e a próxima no horário habitual. Pode ocorrer de ter que tomar 2 pílulas juntas sendo que o mais indicado é verificar na bula do produto como proceder. Para mais segurança faça uso de algum método de barreira durante toda a cartela sempre que ocorrer esquecimento mesmo que num período de 12 horas o processo não perca eficácia. Converse com um médico sobre as suas dúvidas pois engravidar é coisa séria. E lembre-se de não se esquecer de tomar a pílula.

Compartilhar
Artigo anteriorAlimentos que gravidas devem evitar
Próximo artigoAlimentos que mais causam Refluxo

Deixe uma resposta