Exercite-se (mesmo quando estiver no trabalho)

    0
    43

    Hoje ninguém discute os efeitos positivos da prática de atividade física. No entanto se compararmos as horas que consumimos por semana nos exercitando com os minutos que passamos com o bumbum na cadeira é possível concluir que o tempo gasto na academia não é suficiente para garantir a plena saúde das costas e afugentar de vez dores e outras complicações. Daí a importância de adotar hábitos posturais mais saudáveis no escritório.

    Uma atitude simples é evitar ficar na mesma posição por muitas horas principalmente se estiver sentado. Tente mudar de postura diversas vezes ao longo do dia levantando-se de hora em hora e por exemplo se espreguiçando. O importante é aprender a cuidar das costas.

    A dor nas costas pode ser resultado de uma simples contração ou lesão muscular após um esforço excessivo a alterações degenerativas das articulações e da coluna como artroses de variados graus de evolução progressiva caso da hérnia de disco por exemplo. Mas é o sedentarismo assim como problemas de postura que geralmente são os responsáveis pelo incômodo.

    leia-mais-cinza
    ícone-texto COM QUE TREINO CARDIORRESPIRATÓRIO EU VOU?
    ícone-texto 3 EXERCÍCIOS CHANCELADOS PELA CIÊNCIA
    ícone-texto TRANSPORT X ESTEIRA: QUAL É O MELHOR PARA VOCÊ?

    Reunimos os seis alongamentos das fotos abaixo que podem ser a sua salvação quando o assunto é a boa postura no trabalho. Cada movimento deve ser feito de 10 a 15 segundos. Eles são simples e gostosos de praticar. Para tanto basta uma pequena pausa a cada hora para se esticar um pouco.

    Em tempo: é importante que você crie um hábito de alongar para reposicionar o corpo e tentar alcançar um equilíbrio. Lembre-se de realizá-los durante o dia em algum momento de pausa. Se preferir coloque um lembrete como um alarme para não ficar parado.

    icone-foto

    (Fonte: Narjara Neves Silva professora da Cia Athletica unidade Anália Franco – São Paulo)

     

    Esta matéria foi produzida no site ativo.com

     

    Deixe uma resposta