Grávida pode tomar Laxante?

0
124
Gravidez e os cuidados especiais

A gravidez é uma fase especial da vida da mulher e inspira algumas dúvidas em relação aos hábitos diários alimentação e até sobre o uso de medicamentos. Será que as mulheres grávidas podem tomar laxante? O medicamente usado para normalizar a evacuação oferece riscos à saúde da gestante?

Antes de tudo é bom entender que a gravidez é um período em que os bons hábitos devem ser priorizados. Consultar a ginecologista periodicamente e não se automedicar é indispensável na nova rotina. Portanto antes de ir à farmácia e comprar o laxante para tratar a prisão de ventre – também conhecida como constipação – o ideal é conversar com o seu ginecologista para que as causas do problema sejam identificadas e a melhor solução prescrita. Ele poderá indicar o uso fármaco correto ou mesmo solicitar o consumo de alguns alimentos saudáveis para o aparelho digestivo.

ameixaQuando o médico poderá indicar o medicamento?

No início o indicado para o tratamento da constipação é consumir cereais integrais verduras legumes e frutas como melão melancia abacaxi ameixa. Se a dificuldade de defecar persistir o ginecologista poderá prescrever o laxante de utilização oral ou supositório. Esse tratamento irá proporcionar a regularização intestinal e o sonhado conforto e comodidade que toda gestante deseja.

Quando utilizar o laxante?

Não é depois de um dois ou três dias com o intestino preso que a mulher deverá usar o laxante. Na verdade se após sete dias ainda for necessário esforço incomum para evacuar o uso do medicamento poderá ser feito.

O que caracteriza e quais são as causas da prisão de ventre?

Quando os movimentos intestinais tornam se mais lentos e irregulares ocorre a prisão de ventre e o ressecamento das fezes. Ao contrário do que comumente se imagina a constipação não se caracteriza com a diminuição de idas diárias ao banheiro – afinal esse número varia de acordo com o metabolismo de cada pessoa – mas pela dificuldade ao defecar. Há ocorrências em que a pessoa vai ao banheiro e não consegue e evacuar nada apesar do esforço.

As principais causas da prisão de ventre são: alimentação ruim estresse ausência de atividades físicas diabetes e a utilização errada de suplementos alimentares antidepressivos e até mesmo de laxantes.

É para evitar a prisão de ventre e outras doenças mais sérias que toda gestante deve ter muito cuidado na hora de usar aquele suplemento para finalidades estéticas ou tomar algum remédio para tratar problemas de saúde. Em outras palavras: jamais comprar remédio por conta própria ou por indicação de amigos ou familiares mas somente com a prescrição médica.

Por que na gravidez muitas mulheres têm prisão de ventre?

A prisão de ventre é muito comum na gravidez devido à pressões do útero no reto e em decorrência das constantes alterações hormonais que interferem diretamente no funcionamento do intestino da gestante.

Como tratar da constipação na gravidez?

Por ser um período atípico é preciso ter cuidados extras com a saúde na fase da gravidez. Como fora explicado em tópicos acima nesse período as alterações hormonais são frequentes e o organismo precisa estar pronto e saudável para trabalhar normalmente com as mudanças. Ainda que o laxante seja recomendado em alguns casos veja como combater a prisão de ventre da maneira correta.

Beba muita água – Hidratação é sempre importante: beba cerca de dois litros de água por dia.

Nada de sedentarismo – Ficar parado muito tempo sem movimentar o corpo traz uma série de problemas à saúde e pode provocar a prisão de ventre portanto para a grávida é indicado fazer atividades físicas leves: pequenos passeios e exercícios aeróbicos acompanhados de um profissional são ótimos para uma gestação sadia.

Boa alimentação – Coma muitas frutas pães integrais e evite alimentos condimentados.

LEAVE A REPLY