O hidrogel e seus riscos

0
73
 O que é hidrogel?

É uma substância utilizada em procedimentos estéticos como por exemplo para o preenchimento de certas áreas do corpo. O hidrogel é composto basicamente de poliacrilamida hidrogel e de água daí a razão de seu nome. O produto de preenchimento é portanto a poliacrilamida e vem sendo utilizada no Brasil desde 2008.

Muitas pessoas buscam o hidrogel com a finalidade de aumentar e de modelar melhor certas regiões. O bumbum e as coxas são os locais mais frequentemente submetidos ao procedimento. O preenchimento de rugas e de linhas de expressão também pode ser feito da mesma forma através da inserção de hidrogel.

Embora o procedimento venha sendo feito no Brasil o hidrogel não é aprovado pelo órgão americano Food and Drug Administration (FDA) responsável por regular a administração de alimentos e de medicamentos no país. É portanto um procedimento que merece ser melhor estudado e avaliado visto os riscos que pode oferecer à saúde do paciente.

Quando é indicado

O hidrogel é indicado para homens e mulheres maiores de idade que desejam aumentar o volume ou remodelar certas partes do corpo como as coxas e o bumbum por exemplo. Ele deve ser aplicado em pequenas quantidades de forma a não gerar riscos à saúde do paciente.

O hidrogel é também indicado para a redução de marcas de expressão e de rugas na face assim como para o preenchimento de feridas úlceras ou queimaduras. O hidrogel é no entanto um produto absorvível e tende a ficar em média até 2 anos no corpo da pessoa dependendo da quantidade aplicada do local e do organismo do paciente.

hidrogel-o-que-e

Como é o procedimento

O produto é injetado sob a pele no lugar em que se deseja fazer o aumento de volume com o uso de uma microcânula. O procedimento é cirúrgico e é necessário fazer uso de anestesia portanto deve ser realizado em um centro cirúrgico ou em um estabelecimento com condições de lidar com possíveis emergências.

Somente um médico habilitado pode realizar o procedimento de preferência um cirurgião plástico ou um dermatologista com treinamento específico para tal. O hidrogel é uma substância absorvível pelo corpo humano e tende a desaparecer depois de cerca de 2 anos dependendo do local em foi injetado da quantidade e do organismo do paciente.

Quais são os preparativos

Antes de passar por qualquer procedimento é fundamental consultar um médico de forma a avaliar a condição do organismo. No caso de procedimentos que envolvem a pele os médicos mais indicados são os cirurgiões plásticos e os dermatologistas.

É muito importante verificar se a substância que será utilizada é aprovada e se ela não será estranha ao organismo. O histórico do paciente deve ser estudado e todos os medicamentos em uso devem ser informados ao médico assim como recentes operações ou doenças.

O hidrogel e seus riscos

Um dos maiores riscos da aplicação do hidrogel é o depósito de grande quantidade do produto perto de algum vaso sanguíneo o que poderia comprimi-lo e levar a uma perigosa isquemia. A isquemia é basicamente uma interrupção do fluxo sanguíneo o que promove necrose e outros danos ao organismo. Uma isquemia em um vaso importante pode ser bastante preocupante além de provocar fortes dores.

Outro risco do uso do hidrogel é a errônea aplicação dentro de um vaso o que levaria a uma trombose e à necrose local. A aplicação do hidrogel dentro de um vaso poderia ainda provocar por exemplo embolia pulmonar ou cerebral. Em casos mais preocupantes poderia levar inclusive à morte.

Além destes riscos o hidrogel pode provocar alergias dores e hematomas. Quando ocorre algum problema geralmente ele pode ser removido através de cirurgia ou de lipoaspiração. Quando o produto aplicado não é o original a remoção pode ser mais complicada já que normalmente os outros produtos são mais pesados e viscosos.

 O que ocorre após o procedimento

Após a aplicação do hidrogel não é indicado a exposição ao sol ou ao frio intenso. Além disto fica contraindicado tratamentos como peeling químico na região submetida ao procedimento. Durante cerca de 2 semanas será necessário utilizar malha compressiva.

Efeitos colaterais podem surgir nas 24 horas seguintes à aplicação assim como hematomas que tendem a desaparecer em 3 ou 7 dias normalmente. Diante de quaisquer sintomas não deixe de procurar por um médico visto os consideráveis danos que a aplicação incorreta pode trazer à saúde.

Em média depois de 1 a 2 anos o hidrogel é absorvido pelo corpo. Caso a pessoa ache necessário nova aplicação pode ser feita. Nestes casos não deixe de estudar bem o local em que irá realizar e o profissional que irá aplicar o hidrogel assim como a marca do produto de forma a evitar complicações e efeitos colaterais. Este procedimento pode ser perigoso quando feito de forma incorreta e na quantidade incorreta portanto tenha atenção.

Deixe uma resposta