Perda de peso: aposte na musculação

    0
    53

    Apesar de muitas pessoas não apostarem nisso além de fortalecer a musculatura melhorar o desempenho em atividades físicas em geral e colaborar para a recuperação de lesões a musculação pode ajudar a atingir suas metas de perda de peso.

    Para compreender essa questão é necessário esclarecer antes de tudo que o emagrecimento em si não está diretamente ligado à perda de peso mas à quantidade de massa muscular (ou magra) x a quantidade de gordura que você tem no corpo. E os músculos são proporcionalmente mais pesados do que a gordura.

    Se você quer investir na musculação pensando de repente em “ficar mais magro” para praticar melhor o seu esporte veja quatro (boas) razões para encarar os pesinhos.

    leia-mais-cinza
    ícone-texto4 IMPORTANTES MITOS SOBRE MUSCULAÇÃO
    ícone-texto
    TREINO PARA QUEIMAR CALORIAS BRINCANDO

    Troca de gordura por músculos
    Como o treinamento de força proporciona o ganho de massa magra ou seja de músculos seu corpo vai gastar mais energia para manter esse aporte eliminando também maior quantidade de gordura. Por isso podemos dizer que ao fazer musculação você substitui massa gorda (ou gordura) por massa muscular.

    Gasto energético
    Toda atividade física demanda gasto de energia e com isso queima calórica e a musculação obviamente está dentro desse contexto. Portanto quanto mais intenso for o treino mais ele vai queimar gorduras e ajudar a emagrecer. Para isso um bom método é diminuir o tempo de intervalo entre as séries. Apenas não se esqueça de que as séries devem ser mais longas e as cargas mais leves para que seja possível realizar o treino completo.

    Metabolismo ativo
    A prática de musculação entre outras atividades físicas refreia a desaceleração do metabolismo comum ao envelhecimento e a outros fatores como o estresse. E esse fator também está relacionado com aumento da massa magra uma vez que pessoas com maior quantidade de músculos gastam mais calorias.

    Diminuição da flacidez
    A atividade também esta diretamente relacionada com o aumento do tônus muscular ou seja o efeito “durinho” que os músculos ganham graças ao trabalho de fortalecimento de suas estruturas combinado ao de recuperação por meio da alimentação equilibrada.

    (Fonte: José Eduardo Coghi Pompeu professor da academia Bodytech e diretor da assessoria Conexão Esportes)

     

    Esta matéria foi produzida no site ativo.com

     

    Deixe uma resposta