Pilates e Musculação

    0
    37

    Todas as semanas surgem promessas das mais variadas como iniciar na pratica da atividade física que não fica fora dessa tendência! Uma das frequentes interrogações é justamente a respeito do que diferencia e o quanto se assemelha a musculação do Pilates.
    Os exercícios em uma sessão de Pilates visam a qualidade do movimento diferente da musculação onde o número de repetições são importantes. Portanto essas praticas não estão relacionadas mas em relação de complementação.

    Orientação

    Não existe uma condição capaz de afirmar que quem faz Pilates não pode fazer musculação ou vice-versa. Mas não tenha dúvida que essas duas modalidades se complementem. A razão é acionarem camadas musculares diferentes de nosso corpo. Por exemplo: na musculação o foco geral é o fortalecimento dos músculos mais superficiais (responsáveis pelos movimentos de grande amplitude como o agachamento o supino). Dentre os objetivos desse treino estão por exemplo a hipertrofia.
    Já o método desenvolvido por Joseph Pilates inicia o trabalho com o praticante a partir da musculatura mais profunda como assoalho pélvico transverso do abdome multifídios e todos os pequenos músculos que envolvem as juntas e depois as musculaturas mais superficiais.

    Objetivos
    O fortalecimento dos músculos profundos é fundamental para a constituição de uma estrutura óssea mais forte e a ênfase dada a região lombo pélvica (CORE) torna a técnica excelente para quem deseja um abdômen consistente também para prevenção de dores como na lombar.
    A técnica explodiu no Brasil em meados de 2000 e conquistou adeptos por promover mais consciência corporal e muitas vezes por esse mesmo motivo quem acredita que os exercícios são leves se engana. O Pilates trabalha equilíbrio coordenação motora além de força e resistência muscular podendo ser um substituto para aqueles que não gostam de musculação.

    Uma ou outra
    Naturalmente ambas as práticas trazem benefícios ao corpo! Agora se você está interessado em saber se o Pilates é melhor ou não que a musculação saiba que nenhum profissional fará qualquer afirmação deste tipo uma vez que não existe um exercício melhor do que o outro. Ele indicará sim qual exercício é mais recomendado para seu corpo e que o ajudará a alcançar seus objetivos respeitando suas necessidades.
    Talvez você deva se perguntar: “Por que está se matriculando na academia ou estúdio de Pilates?”
    Com certeza seu Personal Trainer ou Instrutor vai te orientar sobre qual modalidade será a mais aconselhada para seu perfil.

    Rafaela Porto

    Educadora Física formada em 2004; Pós graduada em Atividade Física Adaptada e Saúde; Formada pela STOTT PILATES desde 2007 e com certificação internacional desde 2010; Atualmente é coordenadora técnica da Pilates StudioFit e ministra treinamentos e aulas de Pilates.

    Confira artigos anteriores:

    O Pilates para auxiliar as passadas na corrida

    Pilates X Esporão

    Pilates contra o envelhecimento

    O Pilates na Pubalgia

    O Pilates para facilitar o processo de ventilação interna

    Os benefícios do Pilates durante a gestação

    A dor lombar e os benefícios do Pilates.

    Como o pilates beneficia o praticante de atividades aeróbicas.

    Os benefícios são muitos mas o Pilates emagrece?
    O que é melhor? Pilates no Solo ou nos Equipamentos?

    Para um corpo saudável pilares ou musculação?

    Pilates promete corpo saudável e sem fadiga no verão.
    Corredores podem ter passadas mais eficazes com Pilates
    Afinal o que é Pilates?

    Outras matérias relacionadas:

    Dicas de exercícios de pilates para fazer em casa – parte II
    Dicas de exercícios de pilates para fazer em casa
    Os benefícios do Pilates para os homens

     

    Esta matéria foi produzida no site ativo.com

     

    Compartilhar
    Artigo anteriorGinástica laboral: ótima ferramenta para qualidade de vida
    Próximo artigoEmpresa desenvolve fone de ouvido bluetooth para atletas

    Deixe uma resposta