Sangramento na Gravidez

    0
    62

    Mantenha a calma

    Sangramentos na gravidez podem ocorrer devido a uma série de fatores e nem todos eles são preocupantes por isto mantenha a calma. Durante a gestação a futura mamãe tende a ficar bastante preocupada com tudo o que acontece em seu corpo nada mais justo afinal ela está cumprindo um importante dever. Mas é fundamental saber que na grande maioria das vezes corre tudo bem.

    Diante de qualquer sintoma ou sinal estranho é importante consultar um médico. Durante a gestação inúmeros fatores podem levar a sangramentos e um ginecologista deve ser consultado sem hesitação. De acordo com a intensidade do sangramento da coloração do sangue e do momento em que ele saiu por exemplo o médico pode avaliar o que está acontecendo.

    O mês da gestação em que o sangramento acontece também pode ajudar no diagnóstico por isto que o ginecologista deve ser informado imediatamente do ocorrido. Os profissionais desta especialidade estão acostumados com ligações a toda hora. Portanto mantenha-os informados de qualquer acontecimento incomum.

    O que pode ser?

    Sangramentos na gravidez podem ser decorrentes de uma série de fatores. Desde algo preocupante como um aborto espontâneo ou uma gravidez ectópica ou seja gravidez fora do útero como algo mais simples relacionado à nidação ou seja à implantação do óvulo fecundado no endométrio.

    Além disto sangramentos anais também podem ser confundidos com vaginais principalmente se a mulher apenas olhar para a mancha de sangue na calcinha. Este tipo de ocorrido é geralmente provocado por hemorróidas e iremos discutir mais abaixo.

    Sangramentos entre o primeiro e o terceiro mês

    Depois de óvulo ser fecundado ele necessita percorrer um caminho que vai das trompas de Falópio até o útero. Chegando ao útero o óvulo fecundado irá fixar-se no endométrio. Este processo recebe o nome de nidação e geralmente provoca algum sangramento.

    Durante a fixação do óvulo fecundado na parede do útero pode acabar ocorrendo o rompimento de algum vasinho provocando um leve sangramento por até 3 dias. O fluxo não é intenso e surgem apenas alguns traços de sangue na calcinha.

    Até o terceiro mês de gestação pode também ocorrer sangramentos devido ao descolamento do saco gestacional o qual está ainda se moldando ao útero. Um médico deve ser consultado pois caso este saco não fixe devidamente há a possibilidade de acontecer um aborto.sangramento na gravidez

    Nesta situação o sangue vem maior quantidade e é bem escuro algo semelhante a uma borra de café. O fluxo pode durar alguns dias e não provoca cólicas nem outras dores. Ainda no terceiro mês pode acontecer também um aborto espontâneo. Neste caso o sangramento possui coloração vermelha intensa e provoca fortes dores abdominais.

    Leia também sobre:

    Sangramentos a partir do terceiro mês

    Passados três meses de gestação os sangramentos tornam-se cada vez menos comuns sendo que a gravidez está portanto bem encaminhada. Apesar de raro porém não impossível há ainda a possibilidade de surgir algum problema a partir do quinto mês. Isto porque neste período a placenta pode acabar fixada no local errado o que geraria transtornos visto que ela é o órgão responsável pela alimentação e pela oxigenação do feto. Sangramentos decorrente deste ocorrido são intensos e em vermelho vivo sendo que um médico deve ser consultado imediatamente.

    Esta situação pode ser previamente diagnosticada por isto é importante o devido acompanhamento médico durante toda a gestação. É algo raro de acontecer porém não deve ser descartado e geralmente ocorre por volta do quinto mês.

    Sangramentos posteriores ao sétimo mês

    No final da gestação o grande risco é acontecer um deslocamento precoce da placenta. Esta situação é mais comum em mulheres que sofrem de pressão alta e além de um sangramento em vermelho bem vivo e escuro provoca contrações constantes e fortes cólicas abdominais.

    Por volta do nono mês também pode haver sangramento no entanto desta vez é por uma boa causa. Isto acontece quando a mulher entra em trabalho de parto ao romper do útero e ele vem acompanhado de fortes contrações. Nesta hora o médico deve ser chamado para que enfim uma nova vida venha ao mundo.

    Outras possibilidades

    Conforme mencionamos no começo do texto sangramentos anais podem ser confundidos com vaginais durante a gestação. A mais freqüente causa são hemorróidas que surgem devido ao aumento de fluxo sanguíneo na pélvis e pioram no final da gravidez por causa da pressão ocasionada pelo peso do futuro bebê. A compressão pode levar a sangramentos provocando certa confusão.

    O ato sexual também pode provocar sangramentos durante a gestação. Não somente durante a gestação mas sempre pois o atrito do pênis na região pode machucar por exemplo. Além disto infecções vaginais costumam provocar sangramentos assim como feridinhas no colo do útero. Portanto procure por um médico diante de qualquer sintoma ou sinal e realize sempre exames de rotina de forma a manter o organismo monitorado e a saúde protegida.

    SHARE
    Previous articleDiástase
    Next articleCarboxiterapia

    LEAVE A REPLY