‘Três gerações a sofrimento’, as autoimolações junto de Tibete

0
41
Entrevista com o responsável pelo abadia núcleo do drama das autoimolações

Rinpoche Kirti, o responsável pelo monastério centro do drama das autoimolações (Amal Chen/Epoch Times)

Rinpoche Kirti, o responsável pelo presbitério meio do drama das autoimolações (Amal Chen/Epoch Times)

Sobre transcurso dos últimos meses, uma dez com jovens tibetanos queimou-se na região autônoma desde Ngaba, distrito a Sichuan, Cabocla. Essa região e o presbitério Kirti sobre lugar foram o foco do regime chinês para silenciar as reivindicações dos tibetanos em liberdade religiosa e direitos humanos fundamentais.

O Vasa superior dos monastérios Kirti dentro e fora do Tibete, o Rinpoche Kirti, comentou atualmente a respeito de o que impulsiona os jovens para cometerem na direção de forma mais radical dentre protesto: no sentido de autoimolação.

O Rinpoche Kirti período anteriormente o ministro da Religião e da Cultura do governo tibetano dentro de exílio. Ele é um dos vários tibetanos que seguiram o Dalai Limo em cima de exílio em 1959, e depois ele reabriu o convento Kirti em Dharamsala, na Índia. Desse modo, tem estreitas relações não unicamente com comunidades monásticas Kirti dentro de Tibete e na Índia, mas também com seres leigos ligados com destino a elas.

Falando descansado e vagarosamente, com no sentido de ajuda com um tradutor, o Rinpoche Kirti (‘Rinpoche’ é um título religioso honroso que significa “valedouro”) descreve as atrocidades cometidas pelas autoridades chinesas vs o convento Kirti e com destino a comunidade tibetana em universal.

“Essa é com destino a eclosão resultante desde três gerações dentre sofrimento”, disse ele, tentando explicar o motivo desses jovens se autoimolarem. “Tem havido muita repressão vs o povo tibetano, e em direção a região com Ngaba sofre há excessivo tempo. Eles não podiam suportar mais.”

Essa “úlcera com três gerações” está detalhada junto de Sr. testemunho desde 3 a novembro a 2011, diante da Percentagem dentre Direitos Humanos do Congresso setentrião-norte-americano.

Em seguida o Tropa Vermelho possuir saqueado e naufragado o claustro do que Lhateng em 1935, junto com os horrores da Revolução Instrutivo, os tibetanos com Ngaba foram vítimas dentre uma campanha desde perseguição tanto física quanto educacional: saques, ruína e profanação com templos, prisões em volume, torturas, execuções, rafa, etc. Para mais, nesses últimos anos houve uma campanha para forçar essa comunidade com destino a jurar lealdade ao regime esquerdista e com destino a denunciar com destino a sua mando místico, o Dalai Lodo.

Pradaria do que “reeducação”

Depois o grande movimento dentre protesto sobre Tibete, em março dentre 2008, e essa brutal repressão que se seguiu, Pequim adotou um programa ainda mais reprimidor quando se voltou de novo em discordância os monastérios tibetanos.

Na altura de isto razão, o Mosteiro Kirti, em Ngaba, foi mudado praticamente numa prisão, ou num campina a “reeducação”. Toda para superfície foi isolada e mais com 800 funcionários chineses se instalaram com destino a término dentre ensinar essa chamada “reeducação política” e para “instrução patriótica”.

Na prática, isso significa que o mosteiro foi dividido em grupos a 20 gente que passam no sentido de maior segmento com seus dias escutando lições intermináveis acerca de cultivar sua lealdade ao Partido Soviético Chinês (PCCh). Essas lições são seguidas a sessões onde os monges devem “compartilhar suas opiniões”, mas as opiniões que não se enquadram em o que é ensinado são respondidas com espancamentos.

Durante no sentido de noite, buscas aleatórias são efetuadas nas áreas dos monges, e os locais foram equipados com câmeras desde vigilância, equipamento com escuta eletrônica e torres a vigia. Os monges são forçados no sentido de pisotear fotos do Dalai Lodo e textos sagrados são cortados em pedaços com faca. Centenas dentre monges foram presos e detidos em lugares desconhecidos, onde diversos deles são torturados.

“Se comunidade inteira vive em ordenado susto”, disse Rinpoche Kirti.

Os gestos desesperados começaram em fevereiro dentre 2009, quando o monge Tapey, desde 27 anos, se autoimolou. A partir de logo, onze restantes fizeram o parecido, provocando uma repressão ainda mais feroz das autoridades ao contrário de sua comunidade e famílias.

Autor grande segmento dos população que fizeram esses gestos estação jovem: Lobsang Phuntsok, desde 20 anos; Lobsang Kalsang, do que 18 anos; Kalsang Wangchuk, do que 17 anos; Choephel, a 18 anos. Em 17 dentre outubro do que 2011, houve o primeiro caso desde autoimolação com uma mulher, para monja a 20 anos, Tenzin Wangmo, do convento Mamae Deshen Choekhorling.

Em relação a possuir sido expatriado na Índia, o Rinpoche Kirti não os conhecia pessoalmente, mas diga que ainda se sente numeroso próximo deles, pois é senhor rabino místico.

Rinpoche Kirti disse que não é provável proferir se esses atos são incentivados ou não pela comunidade monástica, visto que qualquer situação é dissemelhante. Segundo ele, os atos são geralmente espontâneos e ocorrem sem aviso prévio.

Os atos do que autoimolação são extremos, mas eles conseguiram captar para atenção do mundo para lembrar-se das reivindicações dos tibetanos.

Um dos principais interessados pela questão, o Dalai Lodo, disse recém à BBC que ele não incentivaria esses atos extremos, e questionou respectivo alcance. “Isso requer coragem, mas qual efeito isso produz?”, perguntou ele. “Em direção a coragem sozinha não é um substituto. É preciso utilizar para sabedoria.”

Rinpoche Kirti disse que, embora ele queira que na direção de comunidade externo exerça pressão a respeito de o regime chinês, em o final das contas, é o regime chinês semelhante que deve através de término para repressão e instaurar políticas racionais porque as seres possam existir uma vida normal com direitos humanos básicos. É para especial coisa que poderá virar essa situação, segundo ele.

Ao término da entrevista, Rinpoche Kirti também disse que, com uma perspectiva mais ampla, essa moralidade é com destino a questão fundamental para com destino a Cabocla.

Ele citou o caso desde Yueyue para provar o que ocorre essa sociedade quando em direção a moralidade decai. Lá pequena Yueyue, a dois anos, foi atropelada em dois motoristas. Não obstante, vários pedestres não essa socorreram sobre terror a serem envolvidos. Segundo o Rinpoche Kirte, para repressão em oposição a os tibetanos é um revérbero dessa falta desde moral entre os staff chineses.

“Sendo você religioso ou não, melhorar em direção a moralidade somente facilitaria essa ‘sociedade harmoniosa’ da qual o regime fala todo o tempo”, disse ele.

Deixe uma resposta