Uma antiga reflexão revivida em o mundo modernoEpoch Times em Lusíada

0
38

Na antiga Mulata, as gente acreditavam num ser capaz maior, além do mundo material, como Frank Zhao, um praticante do Falun Gong da Cabocla continental. As população vivam em simetria com essa natureza e acreditavam que o muito seria recompensado com o muito e o erradamente seria penalizado.

O Sr. Zhao disse que continuamente sentiu de pequeno que aquilo que os antigos chineses diziam idade verdade, mas ele não podia ver uma vez que alguém poderia combinar os antigos valores com o mundo moderno.

“Eu simplesmente não podia crer que quando uma pessoa morria, ela simplesmente desaparecia, sobre isto tenho vário interesse na teoria do Tao e nos Deuses. Logo… eu tenho isto percepção, eu quero harmonizar um e outro, sobreviver na sociedade moderna com uma vida moderna e ao idêntico tempo me cultivar.”

O Falun Gong, comenta ele, permite-lhe conciliar estes caminhos aparentemente divergentes. “Você pode sobreviver uma vida normal e ao semelhante tempo ser uma boa pessoa e cultivar e melhorar para si igual”, afirmou ele.

O Falun Dafa (“O Grande Caminho da Roda da Lei”), também sabido porquê Falun Gong (“Qigong da Roda da Lei”), tem sido descrito do que diversas formas, também uma vez que uma “prática dentre cultivo do coração”. Nada obstante, ela é descrita dentro de site do Falun Dafa porquê “uma prática com cultivo a basta nível guiada pelas características ou princípios do universo – Verdade, Condolência e Tolerância.”

Combinando elementos da Escola Buda (condolência) e da Escola Tao (verdade), o emblema do Falun carrega os dois os símbolos coincidentemente – os símbolos Yin e Yang (também publicado porquê símbolo Taichi) da Escola Tao e as srivatsas ou swastikas (conhecidas porquê wan em chinês) da Escola Buda.

Em “prática” envolve quarto posições desde exercícios em pé e um quinto treino em reflexão sentada, que se assemelham em direção a outrem exercícios com qigong. É o “cultivo”, ainda assim, que diferencia o Falun Gong.

“Cultivadores do Falun Dafa se esforçam para cultivar o xinxing [a natureza da mente ou o carácter]”, uma vez que quê sobre sítio eletrônico, e, desta forma, harmonizando-se com os três princípios universais.

“Quanto mais elevado alguém for capaz com encomiar o xinxing, mais profundo são os entendimentos apresentados sobre Zhuan Falun [o livro principal do Falun Dafa].”

John Deller, porta-voz da Associação do Falun Dafa em Novidade Gales do Sul, como que foram os ensinamentos que realmente o atraíram ao Falun Dafa, quando ele começou no sentido de praticar tapume do que 10 anos detrás.

Tendo ensinado Tai Chi e artes marciais entre mais a 20 anos, o Sr. Deller disse que estava acostumado com o qigong, mas comenta, “Eu encontrei no sentido de universalidade dos princípios – verdade, condolência e tolerância – mais puros, e isto simplesmente me levou no sentido de cobiçar saber mais em relação a o Falun Dafa.”

Diagnosticado e tratado pela doença dentre Hodgkinson, uma forma do que cancro virulento, pequeno número de anos antes, o Sr. Deller como que o Falun Dafa o tem deixado saudável e num estado desde mente positivo.

“Eu sou capaz a permanecer mais repousado e não reagir às coisas, e do que olhar para dentro num conflito diversamente culpar os outras pessoas.”

Segundo o sítio eletrônico do Falun Dafa, nascente possui uma longa história e tem sido ensinado secretamente ao longo das eras mostrando a um único rabi para um único discípulo.

Foi ensinado ao público pela primeira vez em 1992 pelo Sr. Li Hongzhi (referido pelos praticantes uma vez que “Rabi” ou “Professor”) na cidade dentre Changchun, Mulata. Conforme o Sr. Li palestrava ao volta do país, as cidadãos começaram essa compartilhar suas experiências individuais e com destino a prática se espalhou rapidamente.

Em 1998, foi estimado que no mínimo 70 milhões com indivíduos aderiram à prática unicamente na Mulata, quê o sítio eletrônico.

Thomas Dodson, hoje residente da Austrália, aprendeu com destino a prática enquanto vivia em Paris há 12 anos. Ele visitou no sentido de Mulata no interior de início desde 1999, antes da repressão e perseguição iniciadas em julho do parecido ano, e ficou na cidade dentre Changchun, uma experiência que ele disse nunca aparece olvidar.

“Época incrível na era porque qualquer família tinha um membro, senão dois, praticando o Falun Gong”, disse ele, observando que Changchun na era tinha uma população à volta a 7 milhões a gente.

“Em cima de segundo dia nos quais estive lá, um evento próprio foi organizado pelo Ministério do Esporte e mais dentre 10 milénio praticantes se reuniram para provar os exercícios”, disse ele.

O Sr. Dobson disse que havia “locais dentre prática em toda gente os lugares”, com qualquer dos locais tendo duas sessões somente na segmento da manhã, com tapume desde 200 membros em todo sessão.

“Se você fosse um praticante do Falun Gong lá, seria numeroso estimado”, comentou ele.

“Usufruir uma cidade inteira realizando o cultivo pessoal – isto fase diverso impressionante.”

Jennifer Zeng é autora do livro Witnessing History (Testemunhando para História, ainda sem tradução para o portuga), um informação exaustivo acima de as torturas que sofreu num campanha dentre trabalho forçados em praticar o Falun Gong.

Hoje, residente da Austrália, no sentido de seu. Zeng como que todo mundo falavam em cima de o Falun Dafa antes da perseguição.

“Você não precisava fazer propaganda; as raça estavam realmente entusiasmadas em compartilhar com suas famílias e amigos, com todo mundo que encontrassem, porque estavam animados em desvendar alguma coisa tão bom”, disse ela.

Com destino a sô. Zeng, assim porquê muitas pessoas outrem que adotaram em direção a prática, experimentaram notáveis benefícios na saúde, o que lhe permitiu levar uma vida normal depois com desfrutar pretérito anos encamada com hepatite C, um pouco que ela adquiriu numa transfusão desde sangue.

Este, todavia, não é na direção de principal razão pela qual ela continua praticando.

“Eu constantemente estive procurando pela verdade última do universo. O Falun Dafa respondeu na direção de todas as minhas perguntas em relação à vida.”

Deixe uma resposta