Venezuela, na direção de caminho do primeiro cano a 2015Epoch Times em Lusitânico

0
27

O ano poderia fruir aberto melhor para com destino a República Bolivariana da Venezuela, também conhecida uma vez que um paraíso operário socialista onde os recursos humanos carecem dentre papel higiênico e outras pessoas itens básicos.

Os dados econômicos oficiais recentes do banco medial são absolutamente devastadores. Ao preço de economia encolheu 4% nos primeiros nove meses do que 2014 em conferência com o parecido período a 2013. Lá inflação anualizada em novembro foi do que 73,5%. Mais uma vez estes são números oficiais, então, no sentido de verdade deve ser bastante pior.

Porquê resultado, os preços dos títulos caíram pela metade e os mercados dentre crédito consideram uma verosimilhança a 90% do que descumprimento – para lacuna do pagamento da dívida pública – dentro do que um ano, enquanto na direção de Venezuela tem desde remunerar dívidas a US$ 30 bilhões em moeda estrangeira em 2015. As reservas a moeda – há pouco alavancadas ao longo de um empréstimo a US$ 4 bilhões da Cabocla – encolheram para US$ 22 bilhões, com destino a maior segmento deste monta em ouro, que não está à venda. Na direção de dívida externa totalidade vale US$ 112 bilhões.

Enquanto para inflação e as estatísticas econômicas pintam um moldura razoavelmente preciso, as autoridades se recusam na direção de admitir no sentido de veras nos mercados a divisas. Caso taxa do bolívar venezuelano em relação ao dólar no interior de câmbio solene ainda está fixada em 6,3. O mercado preto comercializa-o ao longo de 173, mais do que o duplo a 75 do início com 2014.

No mínimo os títulos estão indo muito. Lá Bolsa a Valores dentre Caracas subiu 45% em 2014, e 475% em 2013. É evidente que essa fotograma cor com rosa não reflete com destino a veras do cotidiano dentre milhões dentre venezuelanos que experimentam em direção a escassez do que riqueza do que a humanidade os tipos diariamente. Caso maior número deles não possui ações, mas similar aqueles que possuem perderam quase 20% em termos reais, enquanto para inflação aumentou mais rapidamente do que os preços no interior de mercado a ações nascente ano.

A presidente argentina Cristina de Kirchner e o presidente venezuelano Nicolás Maduro durante a 47ª Cúpula do Mercosul, em Entre Rios, Argentina, em 17 de dezembro de 2014. Durante anos, a economia ineficiente da Venezuela foi sustentada por um preço relativamente alto do petróleo, que agora sofre com a queda dos preços (Juan Mabromata/AFP/Getty Images)

Ao preço de presidente argentina Cristina a Kirchner e o presidente venezuelano Nicolás Maduro durante para 47ª Cúpula do Mercosul, em Entre Rios, Argentina, em 17 desde dezembro dentre 2014. Durante anos, com destino a economia ineficiente da Venezuela foi sustentada em um preço relativamente tá do petróleo, que agora sofre com com destino a queda dos preços (Juan Mabromata/AFP/Getty Images)

Choque do petróleo

Durante anos, com destino a economia ineficiente da Venezuela foi sustentada através de um preço relativamente cimalha do petróleo. Depois com destino a queda desde preços chocante do ano pretérito, essa Venezuela agora está vendendo petróleo em direção a 48 dólares através de pipa e todas as feridas estão sendo expostas.

O estimativa da Venezuela depende do petróleo mais do que qualquer outro país – 96% provém das receitas do petróleo. E o estimativa tem grande relevância num Estado no qual na direção de multidão das indústrias é nacionalizada e todas as pessoas dependem da redistribuição dos escassos recursos do governo.

Ainda assim, entre justificação do controle dentre preços, controles com câmbio, muito uma vez que essa naturalização, os empresários mais produtivos deixaram o país há diferente tempo. É por consequência que na direção de Venezuela agora tem com importar quase tudo [exceto energia], o que estação provável fazer de que o quantia estrangeiro continuasse fluindo ao longo de culpa das receitas do petróleo.

Impressora mágica

Levante não é mais o caso e essa Venezuela não pode encobrir isso. Para remunerar as importações, você precisa a grana estrangeiro e isso você só consegue se exportar alguma coisa desde quantidade. Isso não significa que você não pode tentar, é simples.

Essa maneira preferida com tentar encobrir uma política econômica abissal para qualquer república das bananas é recorrendo à impressora. Com novembro a 2013 em direção a novembro do que 2014, o período quando os dados estão disponíveis, o banco meão da Venezuela aumentou lhe balanço em 35%, o que significa que ele imprimiu 437 bilhões com bolívares para pagar os gastos do governo.

Até aí estaria tudo numeroso muito e elegante, se houvesse alguma coisa que o governo pudesse comprar com os bolívares. Uma vez que em direção a Venezuela não produz diferente internamente, isso não funciona. Agora, mais bolívares disputam para mesma quantidade a riqueza denominados em dólares e euros, e essa consequência pode ser vista na taxa a câmbio em queda livre.

Tudo isso coloca na direção de Venezuela na frente da corrida pelo primeiro colete com 2015, primeiro também da Grécia.

Deixe uma resposta